E-mail para uma Fada Safada

abril 23rd, 2015

Envie os contos para: contato@contosveridicos.com.br
Conto enviado por: I.E.
Conto:Boa Noite sua Safada.
Fada, ontem ao chegar casa, tive que lavar a cueca e parte da camisa, para limpar a barra.
Eu não conseguia deixar de pensar no ocorrido, acho que foi uma das melhores punhetas que já bati.
quando Mazé chegou, eu estava de pijamas, notou minha excitação e perguntou por que? Disse que estava a espera dela.
Ao deitarmos fui direto ao assunto, Nas preliminares, não deixei de relacionar teu grelo ( o da foto ) com o dela. Lambi, mordisquei, babei, dei uma surra nele (ela não grita quando apanha no grelo só geme, mas reclamou um bocado e pediu para parar, estava apanhando muito), ficou de buceta vermelha… Apesar de conhecer bem aquela buceta, imaginava que fosse atua.

Read the rest of this entry »

Eu e Papai

abril 23rd, 2015

Envie os contos para: contato@contosveridicos.com.br
Conto enviado por: K.D.
Conto: Alerto a todos que este conto não é plágio, o mesmo tem autorização de Anna para que eu o coloque juntamente com os meus relatos.

Estava eu e papai, num belo passeio por Fortaleza, estava meio triste, pois havia reprovado em uma matéria na Faculdade, mas já havia combinado de ir me encontrar com ele, fui, mas sem muita vontade de ir, cheguei e ele me esperava no Aeroporto, me abraçou e me deu um beijinho na testa, quem olhou realmente pensou que era meu pai, mas senti sua mão apertando minha cintura com rigidez… Embora goste deste tipo de gesto… Não estava muito a fim de sexo…
Fomos em direção ao Hotel em que eu me hospedaria e certamente papai iria me visitar…

Read the rest of this entry »

Feriado de Santos

abril 23rd, 2015

Envie os contos para: contato@contosveridicos.com.br
Conto enviado por: K.D.
Conto: Havia prometido que narraria todos os meus acontecimentos sexuais, mas isto não é fácil, passarei a narrar os que me foram mais interessantes.
Irei nos apresentar-nos novamente.
– Olívia minha enteada, casada pela segunda vez, tem no máximo 27 anos (não sei bem), mais ou menos 1,60 de altura, entre 60 e 63 kg, cabelos longos, lisos hoje castanhos claros, cintura fina, seios grandes, não muito; uns 100 a 102 de bumbum, coxas e pernas grossas um grelo do tamanho da falange de meu dedo menor; sempre vestida para provocar, em casa fica quase nua pela transparência, tamanho e decotes de suas roupas.

Read the rest of this entry »

Fernanda- Gozei no rabo belo e grande da Infiel militar

abril 21st, 2015

Envie os contos para: contato@contosveridicos.com.br
Conto enviado por: I.J.
Conto: Muitos já sabem que separei em 2012 e estou noutro relacionamento desde setembro de 2012. Por ela morar noutra cidade, eu tenho parte da semana livre, não tenho dia certo para estar em casa, porem, sou policiado por telefone. Devido a distancia entre as cidades, pela gravidez problemática dela (nódulo uterino) somos obrigando a cautela durante o sexo e ou a abstinência sexual. Não consigo me satisfazer plenamente no sexo só com ela. Então, revi a questão da fidelidade, ou melhor: INFIDELIDADE. Não vou aqui, dizer que este foi ou é o motivo para eu ter retornado a ser infiel. Na verdade mesmo antes de me separar eu já estava infiel e uma vez infiel sempre infiel! Como tenho tempo livre e muita sede de sexo, coloquei anuncio em sites de relacionamentos, sem contar a grande lista de contato que consegui, ao relatar minhas transas especialmente as de Olivia e Paulinha, então aproveito todas as oportunidades que surgem. Numa desta conheci Erica de Quixadá-CE, cidade que sempre visito. Erica é uma mulher normal e vive com um companheiro que trabalha viajando, o que a deixa insaciada e suspeita de ele ter outra.

Read the rest of this entry »

Fodendo a o cu da enteada – novo encontro

abril 21st, 2015

Envie os contos para: contato@contosveridicos.com.br
Conto enviado por: K.C.
Conto:- tá gostando de ver meu rabo se abrindo pra te receber?
Tô adorando. Me excita muito ver quando ele entra no teu cuzinho, nunca foi tão visível como agora.
– também tô gostando. Estou sentindo entrando, me entalando e me rasgando, lentamente. É gostoso sentir isto, sentir entrar bem devagar.
Dói?
– Um pouco, mais…
Mais?

Read the rest of this entry »

Ninfeta oferecida

abril 21st, 2015

Envie os contos para: contato@contosveridicos.com.br
Conto enviado por: L.S.
Conto: Há vários meses sou tentado pela filha da prima de minha esposa, esta, me chama de tio ou simplesmente Roberto.
No começo, nada de mais. Não sei como chamei a atenção dela, acho que devido aos olhares, eu não conseguia desviar os olhos do corpo dela, e minhas brincadeiras insinuativas.
A primeira vez que vi Aneide como mulher, estava com Josafá, esposo de Olívia, minha enteada incestuosa; juntamente a um cunhado e Aneide. Jogávamos war, um joguinho da grow; quando Josafá me alertou para os seios de Aneide que pareciam excitados e parte deles a mostra.

Read the rest of this entry »

Como conheci e fodi magali – primeira parte

abril 16th, 2015

Envie os contos para: contato@contosveridicos.com.br
Conto enviado por: Pastor vinicius
Conto: Pastor gostaria de dar umas palavrinha com o senhor e pedir um conselho
Se vc puder me aguardar um minutinho eu atender este pessoal terei um imenso prazer, ela olhando minha sala bastante pessoas virou-se e disse pastor creio que o senhor vai demorar um pouco e começou a chover vou me apressar indo embora, eu disse sábado combinado ela disse ótimo venho mais cedo e foi. Sábado cheguei mais cedo e fui atender magali, mandei entrar sentar-se e falar a vontade estarei ouvindo.

Read the rest of this entry »

Rapidinha no aeroporto

abril 16th, 2015

Envie os contos para: contato@contosveridicos.com.br
Conto enviado por:F.A.
Conto: Quem me conhece sabe que minha vida se resume a antes e depois da minha passagem pelo Aeroporto de Brasilia. Um pouco disso será contado aqui hoje.
Trabalhei durante dois anos no Aeroporto, em uma simpática livraria de menos de 10m² no turno da madrugada. E o turno da madrugada no Aeroporto é uma espécie de Las Vegas: O que lá acontece, ali morre. Mas hoje quebrarei um pouco essa regra.
Ao lado da livraria funcionava uma cafeteria. Nessa cafeteria várias garotas (algumas belas, outras nem tanto) passavam a madrugada conversando, já que clientes inexistiam nesse horário.

Read the rest of this entry »

Como fodi a diarista – Quarta Parte

abril 16th, 2015

Envie os contos para: contato@contosveridicos.com.br
Conto enviado por:PASTOR VINICIUS
Conto: Depois de algum tempo afastado por motivo de viagem cumprindo missão imposta pela
Força onde pertenço retornei a minha cidade onde moro voltando a igreja para me inteirar de todo acontecimento, foi quando deparei com anadir e saudosa trocamos algumas palavras tinha que reservar atenção para as irmãs que a mim chegava. Mais tarde quase na hora de me retirar Anadir esteve comigo e que domingo iria até meu ap para conversamos dei 0k e ficaria aguardando pois também sentia saudades dela.

Read the rest of this entry »

Fim de semana na oficina

abril 14th, 2015

Envie os contos para: contato@contosveridicos.com.br
Conto enviado por: D.Z.
Conto: Oi, Sou a Drica! morena, cabelos compridos, olhos verdes, cintura fina e bunda grande.
Meu marido tem um carro antigo, destes de coleção, e vira e mexe lá estamos nós no fim de semana indo para oficina do Jorge fazer algum ajuste. Claro que o Jorge não tira os olhos de mim, que sempre estou vestida de mini saia, shortinho ou macaquinho, e eu aproveito para me exibir; desabotoando a blusa ou deixando o shortinho bem enfiado na minha bundinha.
Fico andando pela oficina, roçando de vez em quando no Jorge, me agachando, arrebitando a bunda, sentada no escritório abrindo e fechando as pernas. Mas o Jorge nunca avançou o sinal mesmo com todas as minhas deixas, acho que por medo de perder o cliente. Mal sabe ele que meu marido é um Corno Manso de carteirinha.

Read the rest of this entry »

Tia Adelaide, me ajuda?

abril 14th, 2015

Envie os contos para: contato@contosveridicos.com.br
Conto enviado por: F.C.
Conto: Depois que postei o meu primeiro conto “MAMÃE CURIOSA, QUERIA EXPERIMENTAR!” recebi uma avalanche de mensagens me pedindo para escrever a respeito de outros momentos que estivemos juntos.
Pessoal, acredito que o conto real retrata uma experiência única e que o que acontece depois disso, já não tem mais o mesmo grau de magia quanto da primeira vez. Lógico que os momentos seguintes foram maravilhosos para nós dois, porém, para efeito de contos eróticos, ficaria muito repetitivo e decidi então não seguir por esse caminho ok?

Read the rest of this entry »

Banho de porra no escurinho do cinema

abril 14th, 2015

Envie os contos para: contato@contosveridicos.com.br
Conto enviado por: B.S.
Conto: Olá a todos, estou de volta com mais um conto…

Sempre tive vontade de conhecer um cinema pornô… Num dia desses, meu pai e eu fomos ao cinema pornô, normalmente freqüentado por gays, travestis, garotas de programa, entre outros.  No começo estranhei um pouco, mas o clima foi ficando cada vez mais quente.

Ficamos assistindo um pouco do filme na parte de cima do cinema, começamos a nos beijar, fui acariciando levemente seu pau e quando vi já estava fazendo um boquete, é lógico que neste momento, alguns homens se aproximaram…

Read the rest of this entry »

O Despertar De Uma Mulher

abril 5th, 2015

Envie os contos para: contato@contosveridicos.com.br
Conto enviado porLOURDES
Conto:  Oi sou a Lourdes 39 anos meu perfil morena clara olhos castanho cabelos curto rosto bonito boca grande sempre gulosa por uma pica altura 1,76 busto 98 cm cintura 71 cm quadril 102 cm peso 69 kg , tenho o corpo lindo sou bem séria uso sempre vestido social com abertura dos lados ou na frente ou atrás bem decotados deixando os meus lindos seios amostra , quando vou a um barzinho adoro cruzar e descruzar as pernas para mostrar um pouco a minha calcinha , não sou nenhuma top mas tenho um traseiro que deixo elas e eles lambendo os lábios seria uma tonta se não tirasse partido disso adoro ser desejada atrás , meu marido é muito gostoso moreno claro corpo delineado rosto bonito boca e língua gostosa para chupar uma racha , peito em forma de pêra com bico delicioso para mamar bunda gostosa e lisinha sem pelos a maior preciosidade ele tem entre as pernas um dote mais de 22 cm bem grosso sou uma mulher super ativa na hora do sexo eu que coordeno moramos em são Caetano do sul SP.

Read the rest of this entry »

Pastor Vinícius fudedor – 2ª Parte

abril 5th, 2015

Envie os contos para: contato@contosveridicos.com.br
Conto enviado por: Pastor Vinícius
Conto: No sábado ela em meu apartamento ausência do  marido viajando começamos a foder depois de muita libidinagem ela com uma secura de foder.

De quatro ela até estranhou e pensou que eu ia enraba-la mas comi foi a boceta dela de 4 que delicia e que bunda bonita e apetitosa porem depois de foder bastante nela posição que ela adorou e de ter gozado muito gozei também enchendo a boceta dela de porra ela adorando pois estávamos fodendo sem camisinha que delicia sentir aquela boceta apertadinha e quente demos um descanso tomamos uma ducha um café e voltamos para cama e começamos a conversar pelados ela segurando meu cacete virou e disse eu nunca fiz isto mas que tenho vontade  de chupar e foi abaixando beijando a cabeça e disse teu cacete e tão grosso e grande que esta difícil ele entrar na minha boca eu quero que voce foda na minha boca e enterre ele todo dentro dela quero engasgar com este pauzão assim fiz com carinho para não machuca-la pois ela estava muito tesuda.

Read the rest of this entry »

Pastor Vinícius fudedor – 1ª Parte

abril 5th, 2015

Envie os contos para: contato@contosveridicos.com.br
Conto enviado por: Pastor Vinícius
Conto: Vinicius quando você mandou eu ficar de 4 e veio por trás pensei que você ia botar dentro da minha bunda,e vc queria? É que seu pau é muito grande e grosso e minha bunda nunca foi tocada ´é virgem,despertei pensei comigo mesmo vai ser enrrabada. Ela então disse temos hoje e segunda para fodermos tranquilos pois terça eles estarão chegando sabendo disso não podemos perder tempo e não vamos deixar de foder mesmo quando chegarem. Demos um ligeiro descanso batemos um longo papo na cama ela sempre segurando a piroca fazendo uma massagem na punheta e umas xupadas perguntando sobre minha vida se fodia muitas mulheres da igreja e vizinhas eu desconversava e respondia são segredos de alcova riamos recebia um banho de língua num gostoso 69 ela engolia com furia a piroca xupava e dizia que piroca gostosa de xupar assiim passamos a tarde todinha fodendo e a chuva caia la fora.

Read the rest of this entry »