Estuprada pelo cliente do chefe

Bom meu nome é Luciana, tenho 23 anos, tenho seios fartos,
bunda do tipo grande e arrebitada, sou loira, 1,70, so meio gordinha
65kg, costumava usar roupas curtas, ja que morava em um lugar bem
quente.
Isso aconteceu quando eu tinha 20 anos, estava à uns 5 meses
sem emprego, até que consegui um trabalho como secretaria numa
empresa que estava em crescimento. Por 4 meses o trabalho estava
muito bom, até que um dia meu chefe me chama em sua sala, ele estava
com outro cara que aparentava ter uns 35 anos, estava de terno e
gravata aparencia muito boa. Então meu chefe me apresentou a ele, seu
nome era carlos, e disse que ele precisava de uma compania para sair
aquela noite e se eu não poderia ir, eu fiquei sem jeito com a
pergunta, mas acabei aceitando.
A noite coloquei um vestido branco, que ia até as pernas, com
um decote bem sensual. Ele chega na hora combinada no meu
apartamento, e me leva até um restaurante para jantar. Demoramos umas
duas horas jantando, conversamos bastante ele era um cara muito bom
para conversar. Após a janta, ele me convida a ir para seu
apartamento, eu nao queria ir mas ele insistiu tanto, disse que ia
ser apenas por pouco tempo depois ele ja me levava para casa, que
acabei indo.
Assim que entramos em seu apartamento, ele me agarrou me
encostou na parede e começou a me beijar, eu empurrei ele, disse que
não queria nada daquilo e queria ir embora, tentei abrir a porta mas
estava trancada. Comecei a gritar pedindo para ir embora mas ele nem
se importava, então ele tirou a cinta da sua calça, pego meus dois
braços os ergueu e me deu umas cintada na bunda, e nas pernas com
força, me mandou ficar quieta apenas obedecer senão ia levar muito
mais. Então me acalmei um pouco, ele veio me agarrou novamente e
começo a beijar meu pescoço, alevantava meu vestido e passava a mão
na minha bunda e por todo meu corpo. Nós ainda estavamos na porta,
então ele me puxou pelo braço, disse \” vem ca vadia!!\” e me levou
para o quarto. Primeiro ele tirou meu vestido, me deixou apenas de
calcinha e sutiã, e continuo me agarrando passando a mão em mim e me
beijando. Eu não estava gostando nenhum pouco da situação e comecei a
chorar, ele me chamou a atenção de novo, me deu um tapa na cara, e
disse \”cala a boca vadia\”. Então ele tirou toda a roupa e se deitou
na cama, me mandou ir até ele e chupar seu pau. Eu fui e coloquei
minha boca no penis dele bem devagar, como eu não era muito
experiente não sabia como fazer direito e ainda estava achando muito
nojento, não demorou muito ele ficou brabo e me deu um tapa na cara
me mandou fazer direito aquilo senão ia apanhar mais, continuei
chupando mas vi que ele continuava insatisfeito, então ele pego na
minha cabeça e começo a empurrar e tirar do seu pau com força, eu
cheguei a ficar engasgada com aquilo, estava quase vomitando, então
ele paro. Ele se levanto arranco meu sutiã, e tiro minha calcinha, me
mando deitar na cama, e começo a lamber minha vagina e meus seios. Eu
estava muito nervosa, tinha que me segurar para não chorar senão ele
ia me bater de novo, então ele pega e enfia com tudo o pau na minha
buceta, eu gritei na hora, dai ele começo o movimento de vai e vem
com força e rapido, enquanto isso ficava me beijando. Eu estava com
muito nojo daquilo e não via a hora de ir embora, ele estava me
fodendo com tanta força que gozou rapido. Eu fiquei aliviada com
aquilo achando que ele ia me levar embora, mas q nada, saiu na cama
foi até o banheiro me mando esperar um pouco depois me mando entrar
no banheiro e tomar banho junto com ele. Depois disso pedi se poderia
ir embora, ele me olhou com uma cara de brabo, disse que só iria
embora quando ele estivesse satisfeito. Então entrei em desespero, me
ajoelhei na frente dele e implorei para me deixar ir embora, então
ele fico mais brabo ainda, me deu diversos tapas bem fortes na cara,
\”Você não esta colaborando muito, você só tem a perder com isso sua
vadia!!!\” Eu não conseguia parar de chorar, então ele pegou colocou
uma mordaça na minha boca, e amarrou minhas mãos, \”agora sim você
esta como gosto..\”, me levou para cama novamente e me colocou de
quatro, abriu bem minhas pernas, e começou a lamber meu cu, e enfiar
o dedo. Sem demorar muito ele colocou o pau na entrada do meu anus e
começo a forçar para entrar, ele forço bastante, não parava de sair
lagrimas dos meus olhos, quanto mais ia se alargando meu anus, mais
doia, depois que entro o pau todo, ele tirava e colocava devagar até
deixar meu cuzinho bem aberto, depois que estava mais facil a
penetração ele começo a dar estacadas bem fortes, enfiava o penis
todo e tirava e assim por diante, fodeu meu cu por uns 6 minutos,
depois foi para frente tiro minha mordaça e coloco o pau na minha
boca, dessa ve me fez chupar até gozar com o pau na minha boca, achei
muito nojento aquilo. Novamente após ter gozado ele se levanto eu
apenas esperei deitada na sua cama, de repente ele volta vestido e me
manda colocar as minhas roupas.
Então vamos até seu carro e ele me leva para minha casa, no
caminho ele me diz que se eu contar aquilo à alguém ele ia atras de
mim novamente e me mataria, eu morrendo de medo jurei não contar a
ninguem.

Deixe Um Comentário

WP-SpamFree by Pole Position Marketing